segunda-feira, 7 de maio de 2012

Batatinha frita! François Hollande canta... e Sarkozy grita *


Poderiam perguntar-me: Gostas do François Hollande?
Sei lá?! – responderia eu - Não conheço o homem de lado nenhum.
E do PS francês?
Nãã... conheço razoavelmente o português... e chega!
Então porque raio estás com essa cara de gozo prazenteiro a ler as notícias sobre as eleições francesas?
Para já... e a ordem aqui é completamente “alienatória”... porque pude descobrir esta imagem do “grito do sarkozy”, sem precisar sequer de a surripiar aos vários blogues que a publicaram. Já a recebi por mail aí umas quinze vezes e é um belíssimo assassinato do quadro de Munch, por estes dias o quadro mais estupidamente caro do mundo (sim, quase 100 milhões de euros... é muito estúpido!!!)... e que cá por casa nem sequer é grandemente apreciado.
Depois... há sempre a possibilidade de o homem decidir honrar, pelo menos, um ou dois dos princípios que o seu partido apregoa... o que já seria um ganho.
Depois... é sempre bom ver um alarve como Sarkozy levar um pontapé no traseiro. O que prova que um razoável número de franceses não aprovou o seu estilo arrogante e arruaceiro para com os mais vulneráveis, estilo que intercalava com o nojento “lambebotismo” reservado para a Merkel.
Finalmente (por agora)... porque é fantástico apreciar a flexibilidade de coluna daqueles que, no poder na Alemanha, apoiaram abertamente a campanha de Sarkozy e ainda há pouco esticavam o dedo à frente do nariz do então candidato Hollande, avisando-o de que o tratado era «inegociável», e que agora já vêm dizer que «vão trabalhar com Paris»... numas tretas e mentiras novas que não estão no tal tratado “inegociável”.
Ainda mais finalmente... porque é ainda mais fantástico ver o poder alemão saudando a vitória «histórica» de François Hollande, ou dizendo que vão deixá-lo «salvar a face». O que quer dizer que, dentro de muitos dos governantes da política de direita, nomeadamente, da Alemanha, ainda é relativamente fácil encontrar-se em quantidades assinaláveis a matéria de que são feitos os grandes canalhas!
* Peço perdão a quem inventou o slogan publicitário das melhores batatas fritas do universo, que eram vendidas na praia da Costa Nova do Prado, em finais dos anos sessenta do século passado: “Batatinha frita! A menina chora e a mãezinha grita”

12 comentários:

Graciete Rietsch disse...

Essa aparente satisfação de Merkel perante a vitória de Hollande não augura nada de bom.
A ver vamos.

Um beijo.

trepadeira disse...

Hã...hã...,vou esperar sentado,as mudanças.

Um abraço,
mário

José Rodrigues disse...

A seguir ao Merkozy mais cedo ou mais tarde virá um Merkellande...



Abraço

CRN disse...

Olá Samuel,

Indícios do carácter e lógicamente dos limites da sua moldura de posição ou acção políticas pode resultar saber que foi um dos mais fervosos atacantes da independência da Argelia e que, curiosamente, foi candidato da extrema direita.

Um abraço

Bolota disse...

Samuel,

Mesmo não conhecendo François Hollande, quero acreditar que seja uma pedrada no charco e coloque a Europa no caminho certo, porque assim...

A grecia é um saco de gatos
Portugal um saco de ratas
Inglatera está queda e muda no seu cantinho antes que seja embrolhada.
Espanha tem mais buracos que um queijo suiço.
E Italia, sabem alguma coisa de Italia???

Gente boa, tudo isto tem muito de alemão, mas tem a dobrar a corbadia desta cambada de politicos mediocres que se venderam por meio pataco.

A unica solução é...até me custa escrever, uma guerra não sei se apenas na Europa se... Já reparam que os russo e companhia não se sabe nada deles??? Anda á redia solta.

Não liguem muito ao que escrevo porque o que digo deve ter a ver com o sol ma moleirinha...nem isso há

Abraços

heretico disse...

andamos carentes de esperança!

como te compreendo...

abraço

Anónimo disse...

Tardarão umas semanas, ou menos, que você diga deste o que dizia do outro.
Quando se tem o intestino grosso ligado ao cérebro, da boca só pode sair excremento!!!

samuel disse...

Anónimo (21:05):

"Quando se tem o intestino grosso ligado ao cérebro, da boca só pode sair excremento!!!"

De facto... dá para ver (e cheirar) o seu problema.
Tente um "bypass"... acho que já se fazem em Portugal...
Trate-se, trate-se com urgência, que isso deve ser um grande incómodo, meu "amigo". :-) :-)

Manuel Norberto Baptista Forte disse...

Com mais "algum tempo", ver-se-à o verdadeiro...sentido de mudança, ou a mudança para a continuidade.

Antuã disse...

Claro que o eleito na França não deixa de ser um defensor intransigente do capitalismo e provavelmente vai ser mais um lacaio do capitalismo internacional. Como eu gostaria de estar enganado!...

Anónimo disse...

Espero que não seja "farinha do mesmo saco" embora seja de um partido diferente! Vamos ver!
Saudações
Vicky

AGarrido disse...

Deu-me bastante "gozo" ver o sarkozy sair do Poleiro... mas meus amigos, não tenhamos ilusões sobre o Sr. Hollande, é mais um capataz ao serviço dos mesmos, possivelmente usando outras roupagens... Como diz a canção do Sérgio:"Pois é o grande capital o tal do gostinho especial,gosto a Limão, gosto a cereja, gosto a opressão numa bandeja.
Esse Hollande que tem no seu staff gestores da grande finança jamais poria em causa alguns dos problemas centrais da Europa e do mundo: Economia de casino, o capital finançeiro a dominar a economia? A liberdade de movimento de capitais? A deslocalização de empresas? etc.
Os PSs europeus ajudaram(ajudam) a estruturar o que aí está. Se dúvidas houvesse, bastava ver a trajectória das direcções do PS português.
O Srs Hollandes nunca fizeram nem nunca farão aquilo que tem de ser realizado por quem deve: O POVO! Há que tomar consciencia cívica, lutar contra a maior campanha de desinformação/intoxicação jamais vista. Creio profundamente (não tenho melhor alternativa) que mais cedo que tarde "chegará o dia das certezas".
Como se diz na minha Beira Baixa: Bem Hajam a todos! Especialmente ao Samuel por este local de encontro de gente gira.