segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Apenas uma sugestão aos propagandistas do Governo (não precisam de agradecer!)


A novela do "memorando", obra dos ex-governantes do PS e dos actuais do PSD/CDS, chegada que está ao enésimo capítulo, revela mais um enredo: a chantagem!
Como se os crimes que têm sido cometidos em nome do bendito memorando não fossem já suficientes, Gaspar e um dos seus secretários, decidiram recorrer a um dos crimes mais porcos do cardápio, a chantagem, jogando no medo de que se acabe o dinheiro para pagar o essencial.
Assim, deitam já para cima “de outros” as culpas da possível escalada da crise. Insinuam que a culpa será do TC, de Cavaco, dos partidos, deputados, constitucionalistas e portugueses em geral, que se manifestaram e denunciaram aquilo que lhes pareceu “fora da lei” no Orçamento de Estado.
Não fosse a tragédia que tudo isto envolve... e dada a indigência ficcional desta “novela” do memorando da “troika”, acrescida do descaramento com que tentam dourar a pílula para melhor adoçar o amargo de boca colectivo, eu proporia que todas as notícias relacionadas com este “fenómeno”, passassem a constituir uma rubrica especial, em todos os noticiários, a que poderia dar-se  o nome de, sei lá... assim de repente...
“Memorandos com Açúcar” (???)

8 comentários:

Jorge disse...

Aí está um belo título!

chico da EMILINHA disse...

SEMPRE o velho principio O QUE É PRECISO É TER EM QUEM DEITAR A CULPA... Bem esgalhado o Título,,, até porque já há muito se vê os Ratos a abandonarem a BARCA,,, virão dizer : . Eu estava contra.....

É NECESSÁRIO dar a DEVIDA relevância aos escroques que se estão a colocar na BICHA.

obrigado SAMUEL

Olinda disse...

E chamam a isto democracia...
...da-se...que estou farta!...

Um abraco

Maria disse...

E já agora um pouco de canela...
:-))))))))))

Beijos.

Anónimo disse...

Ainda há pouco no "Prós e Contra" um Doutor, que nem sei o nome, dizia que Portugal tinha recuperado a credibilidade.
Deve ser talvez por causa dos memorandos com açúcar (gostei dessa).
Dá pena ver a coruja do João Proença de asa ao lado até parece que apanhou uma banhada daquelas sumidades.
JM

do Zambujal disse...

Muito bem. Como diria um bom companheiro destas lidas m(em)orandos com açucar para uma conversa avinagrada.

Um grande abraço

Antuã disse...


Chantagem miserável.

Graciete Rietsch disse...

Memorandos podres para deitar ao lixo. E nós a sofrer.

Um beijo.